ONSTAGE - Official Website - All Rights Reserved 2017
Website by Joao Duarte - J.Duarte Design - www.jduartedesign.com

Após sucesso das primeiras semanas, Chaves – O Musical estende temporada no Teatro Opus
Postado em 23 de setembro de 2019 @ 21:59 | 195 views


Zás… Ele está chegando!!! O espetáculo Chaves – Um Tributo Musical que estreou, no dia 23 de agosto, no Teatro Opus (Shopping Villa-Lobos), em São Paulo, estendeu temporada até o dia 20 de outubro. O musical, que homenageia o gênio da comédia Roberto Gómez Bolaños e todo o seu legado, segue divertindo e emocionando diferentes gerações até hoje.

Esta é a primeira grande produção dessa natureza endossada e licenciada pelo Grupo Chespirito, e pelo SBT. A montagem promete surpreender os fãs do seriado – e o público em geral – com roteiro inédito da diretora musical Fernanda Maia e direção geral de Zé Henrique de Paula, ambos conhecidos por musicais como Natasha, Pierre e o Grande Cometa de 1812 e Urinal – o musical. A coreografia original é de Gabriel Malo. No repertório, o musical foi recheado de canções clássicas da série e composições inéditas.

Chaves – Um Tributo Musical é apresentado por Ministério da Cidadania e UOL. A realização é de Adriana Del Claro e Move Concerts.

Os ingressos estão à venda pelo site uhuu.com e bilheteria do Teatro Opus e Teatro Bradesco, e custam entre R$37,50 e R$140.

O gênio da comédia Roberto Gómez Bolaños conquistou crianças e adultos do mundo inteiro com seu humor simples e carismático, criando personagens que serviram de inspiração para diferentes gerações de atores, comediantes e escritores. Para isso, teve como referência (e homenageou) nomes clássicos da comédia. É possível encontrar registros do artista mexicano compondo esquetes que fazem alusão a humoristas como Charles Chaplin, Jerry Lewis e à dupla Oliver Hardy e Stan Laurel (O Gordo e o Magro).

Foi assim que surgiu a ideia de se criar um roteiro inédito que não apenas trouxesse de volta aquela atmosfera lúdica, inocente e saudosista da vila da série, mas que também desse pitadas da vida de Bolaños e de sua trajetória como um grande mestre das artes cênicas e do clown.

Mesmo não se tratando de um “episódio do Chaves transposto para os palcos”, e sim de uma homenagem com uma história inédita, o musical irá reproduzir fielmente o cenário mais conhecido da carreira de Bolaños – a Vila do Chaves -, com curadoria do Grupo Chespirito e SBT, para envolver o público ainda mais na memória afetiva do mundo do seriado. Além de Chaves, muitos outros personagens icônicos estarão no palco do Teatro Opus e o público irá se deliciar com as presepadas de Seu Madruga, Quico, Chiquinha, Sr. Barriga, entre outros. Os espectadores também podem esperar boas surpresas durante as apresentações.

Uma série de itens raros do universo Chaves no Brasil
Para ambientar o público ainda mais antes do início do espetáculo, uma exposição sobre Chespirito foi criada com o objetivo de oferecer um panorama da vida e da obra de R o b e r t o G ó m e z Bolaños através de imagens, fotografias e objetos do acervo pessoal do criador do personagem cômico mais icônico do México – e da América Latina também. Inspirada nas cores da Vila e do figurino do Chaves, a exposição ocupará o foyer do Teatro Opus e permanecerá aberta ao público durante toda a temporada de Chaves – Um Tributo Musical.

Sobre a série
Há mais de 45 anos em exibição no México, Chaves é um case de sucesso mundial, com transmissões na Itália, França, Coréia do Sul, Colômbia, Chile, Venezuela, Argentina, Peru, Panamá, Porto Rico e Estados Unidos. No Brasil, os episódios completarão 35 anos no ar em agosto; e são, atualmente, exibidos nos canais SBT e Multishow.

Roberto Gómez Fernández, a pessoa à frente do Grupo Chespirito
Dar vida a uma grandiosa obra e adaptá-la para os palcos não é tarefa fácil. Principalmente, se essa obra for o legado deixado por Roberto Gómez Bolaños, na forma do personagem Chaves e toda a sua turma. São figuras que vivem no coração de milhões de pessoas de toda a América Latina há mais de três décadas e que, por isso, merecem muita atenção e carinho.

Roberto Gómez Fernández é o responsável por manter essa chama acesa para todos nós. Filho de Bolaños e líder do Grupo Chespirito, empresa detentora dos diretos de Chaves, Fernández mantém os olhos abertos para todos os licenciamentos envolvendo a série, inclusive o nosso querido ‘Chaves – Um Tributo Musical’. Para ele, Chaves é o personagem mais querido da América Latina e tem um papel emblemático na trajetória do pai, pois entende que o amor que o público sente pelo menino da ficção representa também o amor que o público tem pelo pai e toda a sua obra.

Fernández comenta que se sentiu muito honrado e orgulhoso quando ficou sabendo da ideia do musical aqui no Brasil, e que segue se surpreendendo com o impacto que a obra de Chespirito (apelido carinhoso de Bolaños) ainda tem em todo o mundo. Ele diz que (o musical) “é uma enorme responsabilidade para se preservar o legado do meu pai”, e que está “emocionado por saber que (o musical) está em mãos profissionais e talentosas, e com um conceito único e original”.

A paixão do brasileiro pela vila e todos seus personagens é notória e Fernández diz que se sente feliz por poder ser testemunha de todas essas manifestações de carinho. Ele revela que era uma vontade de Bolaños criar um espetáculo direcionado para o nosso país. “Meu pai começou a preparar um show ao vivo para o Brasil e até a estudar português. Porém, por questões políticas, não conseguiu levar o projeto adiante”. Ele arremata dizendo que ‘Chaves – Um Tributo Musical’ é “um sonho que se tornou realidade”.

Por isso, Roberto Gómez Fernández deseja que nosso espetáculo seja um grande sucesso. E nós desejamos que você se divirta e que se emocione com as trapalhadas que preparamos com muito carinho, profissionalismo e dedicação.

Elenco estrelado

Crédito: Rafael Beck / Divulgação

MATEUS RIBEIRO – CHAVES
Em 2018, Mateus Ribeiro entrou para a lista Under 30, da Revista Forbes, como um dos jovens com menos de 30 anos mais promissores do país. Também foi eleito por Miguel Arcanjo Prado, da UOL, um dos melhores atores de teatro do ano, ao lado de Jô Soares e Miguel Falabella. Em “Peter Pan – O Musical da Broadway”, protagonizado por ele, teve diversas indicações a prêmios, e levou alguns como o Prêmio Reverência de Melhor Ator. Chaves será seu 14o musical profissional. Entre seus últimos trabalhos destacam-se: “Meu Destino é ser Star”, “Na Pele”, “Meu Amigo Charlie Brown”, “Chacrinha”, “Cabaret” e “Crazy For You”.
@mateusribeir0

ANDREZZA MASSEI (participação especial) – DONA CLOTILDE
Ganhadora dos prêmios Bibi Ferreira, Reverência, Destaque Imprensa Digital, entre outros, por sua interpretação de Mme Thenardier em “Les Misérerables” (2017) e da vilã Úrsula em “A Pequena Sereia” (2018), tem uma sólida e reconhecida carreira no Teatro Musical Brasileiro. Entre seus mais recentes trabalhos, está o espetáculo “Sunset Boulevard”, onde alterna o papel da protagonista Norma Desmond com Marisa.
@andrezzamassei

PATRICK AMSTALDEN (ator convidado) – PROFESSOR GIRAFALES
Formado em Artes Cênicas pela UNICAMP e pela International School of Physical Theater, iniciou sua carreira aos 13 anos de idade como ator, cantor e bailarino. Atuou recentemente nos espetáculos “Merlin e Arthur”, “Natasha, Pierre e o Grande Cometa 1812”, “Peter Pan”, “Se Meu Apartamento Falasse”, “Alegria, Alegria”, “Carrossel”, “O Musical Mamonas”, “Antes Tarde Do Que Nunca”, entre outros.
@patrickamstalden

MARIA CLARA MANESCO – DONA FLORINDA E PÓPIS
Maria Clara Manesco estudou teatro na Escola Livre de Artes Cênicas da SECULT, em Santos, e formou-se em dança pela Escola Roseli Ballet. Atuou em séries de TV como “Quando Toca o Sino”, da Disney Channel, e “Quero Ter Um Milhão de Amigos”, da Warner Channel. Começou nos musicais da Cia de Teatro Rock, com as peças “Sessão da Tarde” e “Lado B”. Logo mais, estaria nos musicais infantis “Os Saltimbancos”, “Palavra Cantada Sem Pé Nem Cabeça” e “Castelo Rá-Tim-Bum, o musical”. Passou pelo “O Musical Mamonas”, de José Possi Neto e Miguel Briamonte, e por “Aparecida, Um Musical.
@clamanesco

FABIANO AUGUSTO – ROBERTO BOLAÑOS
É formado pelo Teatro Escola Célia Helena e pelo Herbert Berghof Studio. No teatro, esteve em “Romeu e Julieta”, “A Porta Secreta”, “Num Lago Dourado”, “Otelo”, “Enlace”, “A História do Incrível Peixe-Orelha”, “Rita Lee mora ao lado” – interpretando Ney Matogrosso -, “Carmen, a grande pequena notável” e “Pirata da Linha”, onde recebeu o Prêmio Femsa de Melhor Ator. Trabalhou como apresentador do “Turma da Cultura” e foi repórter do “RG”, ambos da TV Cultura. Na Rede Vida, comandou o “Intimação”, reconhecido pela ANDI (Agência Nacional pelos Direitos da Infância) como Melhor Programa para Adolescentes.
@fabianoaugustopinto

CAROL COSTA – CHIQUINHA
Carol Costa é atriz, cantora e bailarina. Se formou na escola de dança Petite Danse e estudou na CAL (Casa das Artes de Laranjeiras), no RJ. Há 9 anos mudou-se para a cidade de SP para viver da sua paixão, a arte. Tem se aperfeiçoado como cantora com Rafael Villar. Recentemente se destacou como Hebe jovem em “Hebe – O musical” e Lily du Palace em “Annie”. Atualmente está em cartaz com o musical “Cangaceiras Guerreiras do Sertão” dando vida a fazendeira Hermosa.
@carolgcosta

DIEGO VELLOSO – QUICO
Ator e Cantor. Destacam-se atuações em “O Fantasma da Ópera” (2018 e 2019 – Swing e cover de Raoul, o Visconde de Chagny e Monsieur André), “Les Misérables” (2017 – Swing e cover de Thénardier), “Uma Luz Cor de Luar” (2016 – Gaivota) e “Enlace – A Loja do Ourives” (2012 – Nikolai jovem). Em 2013, trabalhou no backstage de “Billy Elliot – USA Tour”, “Alvin Ailley – American Dance Theater” e “Madagascar – Live”. Foi coordenador e co- criador do Núcleo de Teatro Musical da Fundação Lia Maria Aguiar, recebendo a medalha Arthur Azevedo do prêmio Bibi Ferreira em 2016.
@diego_velloso

ANDRÉ POTTES – SEU MADRUGA
Ator e cantor, iniciou sua carreira no teatro em 2014 com “Marat-Sade”, em Curitiba. Entre os principais trabalhos estão “Avesso – O musical” (prêmio de Ator Revelação, no Brasil Musical), “Relaxa que é Sexo” e “Bruta Flor”. Estudou na escola Projeto Broadway (Curitiba), Escola de Atores Wolf Maya (São Paulo) e cursou Música na Universidade Estadual do Paraná (Curitiba). Como cantor, participou de grupos vocais, dentre eles o Madrigal da UFPR, com o qual gravou o CD “Membra Jesu Nostri”, de Dieterich Buxtehude.
@andre.pottes

ETTORE VERISSIMO – SR. BARRIGA E NHONHO
Bacharel em regência pela FIAMFAAM, onde também estudou canto lírico e piano. Estudou teatro musical na Casa de Artes Operária e canto com Andrea Vitfer e Marconi Araújo. É diretor musical e preparador vocal na Escola Teen Broadway e maestro fundador do Coral Câmara LGBT do Brasil. Deu vida ao personagem Brian em “Avenida Q – O musical” da Broadway (2013)
@ettorerv

MILTON FILHO – PALHAÇO BENJAMIN
Milton Filho, 37 anos, é carioca e começou direto nos palcos, depois nas oficinas livres da Lona Cultural Terra e da Criação de Espetáculo de Ernesto Piccolo e Rogério Blat. Há 17 anos na profissão, se destaca no teatro por sua versatilidade. Esteve em cartaz em mais de 25 espetáculos, dentre eles: “As Mimosas da Praça Tiradentes”, “Chacrinha – o Musical”, “Sambra”, “Zeca Pagodinho – Uma História de Amor ao Samba” e “Contos Negreiros do Brasil”. Está em cartaz em “As Cangaceiras Guerreiras do Sertão”, de Newton Moreno. Já participou de sete longas e nove curtas.
@miltonfilhoator

LARISSA LANDIM – PALHAÇA PATINETE E COVER DE CHIQUINHA
Atriz, bailarina e cantora. Bacharel em Teoria do Teatro pela UNIRIO. Profissionalizou-se como atriz na CAL (Casa das Artes de Laranjeiras) e como bailarina pelo método da Royal Academy of London. Dentre os diversos trabalhos, destacam-se: Cia MULUNGO”, dirigida por Oswaldo Montenegro; Cia de Dança Carlinhos de Jesus; cinco anos como assistente de coreografia do programa “Caldeirão do Huck”; “Ou Tudo ou Nada – o Musical”; “Castelo Rá Tim Bum – o Musical”; “70? Década do Divino Maravilhoso, doc. Musical”.
@laripaeslandim

NAY FERNANDES – PALHAÇA PAÇOQUINHA E COVER DE D. FLORINDA E D. CLOTILDE
Atriz, cantora e bailarina, atuou em shows nacionais e internacionais, e em programas de TV como “Dancing Brasil”. No Cinema, fez parte de “Chacrinha – o Velho Guerreiro”, e nos palcos esteve em grandes espetáculos como “Elis – A Musical”, “Mulheres à Beira de um Ataque de Nervos”, “Garota de Ipanema”, “Alegria Alegria”, “Chacrinha”, “A Pequena Sereia”, entre outros.
@nayfernandes_official

DANTE PACCOLA – PALHAÇO DR. ZAMBETA E COVER DE CHAVES
Ator, cantor e bailarino, fez Artes Cênicas na Unicamp e membro do Núcleo Experimental de Artes Cênicas do Sesi (2017 e 2018). Aos 13 anos, Iniciou os estudos no Teatro Musical, Casa de Artes Operária. Aprofundou sua formação com profissionais como Andréia Vitfer, Rafael Villar e Douglas Tholedo (Canto); Camila Pupa, Katia Barros, Vivian Fortes e André Malosá (Dança). Mais recentemente, destacam-se os musicais “Sunset Boulevard”, “Peter Pan”, “Castelo Rá-Tim-Bum” e “Dzi Croquettes”, além de “Acúmulos”, com direção de Kenia Dias, e “Pequenos Burgueses”, dirigido por Marcelo Lazzaratto.
@dantepaccola

DAVI NOVAES – PALHAÇO TUFO E COVER BOLAÑOS E SR. BARRIGA
Ator formado por instituições como Teatro Escola Macunaíma e Casa de Artes Operária, integrou o elenco da peça “Um Bonde Chamado Desejo”, com direção de Rafael Gomes, vencedora de 4 prêmios Shell, na qual também fez a assistência de direção. Foi indicado ao Prêmio SP de Incentivo ao Teatro Infantil e Jovem por sua atuação no musical infantil “O Príncipe Desencantado”. Em 2018, estreou no solo de sua autoria “O Que Restou de Você em Mim”, com direção de Virgínia Buckowski e Alejandra Sampaio, com temporadas em São Paulo e no Rio de Janeiro.
@davilloway

LUCAS DRUMMOND – PALHAÇO TATUZINHO, GODINEZ E COVER DE CHAVES E ROBERTO BOLAÑOS
É ator, escritor, roteirista e empreendedor cultural. Formado pelo Tablado e pelo Stella Adler Studio of Acting, em Nova York, já participou de sete musicais, cinco peças de teatro, uma série de TV, um longa metragem e quatro curtas. Destacam-se o curta “Depois Daquela Festa”, do qual foi idealizador, roteirista, produtor, montador e protagonista; o longa “O Paciente”, de Sérgio Rezende; a peça “Tudo o que há Flora”, de Daniel Herz, vencedora dos prêmios Botequim Cultural de Melhor Texto e Cenário, e Cenym de Melhor Companhia Teatral; e os musicais “GYPSY” e “Shrek”, no qual interpretou o personagem Pinóquio.
@lucasdrummond

MARCELO VASQUEZ – PALHAÇO FORMIGA E COVER DE GIRAFALES
É coreógrafo, bailarino, cantor e ator. Fez parte do elenco de musicais como “Priscila – A Rainha do Deserto”, “Evita”, “West Side Story”, “Cabaret”, “A Família Addams” e “Jesus Cristo Superstar”. Em “Sweet Charity”, interpretou Charlie, e ,em “A Gaiola das Loucas”, interpretou Hannah de Haumburgo. Atuou como dance captain em “Hairspray”, “A Gaiola das Loucas” e “Cinderella”. Interpretou a personagem Lodo no musical “A Pequena Sereia”. Recentemente, fez o pescador Felipe em “Aparecida, Um Musical”. Na TV Record, foi professor e coreógrafo do programa “Dancing Brasil”, apresentado por Xuxa.
@mvasquezbr

THIAGO CARREIRA – PALHAÇO WLADIMIR E COVER DE QUICO E SEU MADRUGA
Ator/Cantor formado pelo Teatro Escola Macunaíma. Participou dos seguintes espetáculos teatrais, todos dirigidos por Zé Henrique de Paula: “R&J“, de Joe Calarco, em 2006; “MOJO”, de Jezz Butterworth, em 2007; “Senhora dos Afogados”, de Nelson Rodrigues, de 2007 a 2012; “Cândida”, de Bernard Shaw, de 2008 a 2013; “No coração do Mundo”, de Tony Kushner, de 2012 a 2013; “Urinal – O Musical”, de Greg Kotis e Mark Hollmann, de 2015 a 2016; “Preto no Branco”, de Nick Gill, de 2014 a 2015; e “Ou Você Poderia me Beijar”, da Handspring Puppet, de 2014 a 2015.
@thicarreira

Músicos
✦ CESAR ROVERSI: FLAUTA, CLARINETE E SAXOFONE
✦ IVAN DE ANDRADE: CLARINETE E SAXOFONE
✦ LEO VERSOLATO: BAIXO
✦ LUCAS BROGIOLO: BATERIA E PERCUSSÃO
✦ RENATO OLIVEIRA: VIOLÃO E GUITARRA
✦ RAFA MIRANDA: PIANO E REGÊNCIA

Ficha técnica
DIREÇÃO GERAL: ZÉ HENRIQUE DE PAULA
TEXTO, DIREÇÃO MUSICAL E CANÇÕES ORIGINAIS: FERNANDA MAIA
PREPARAÇÃO DE ELENCO: INÊS ARANHA
ASSISTÊNCIA DE DIREÇÃO MUSICAL, REGÊNCIA E PREPARAÇÃO VOCAL: RAFA MIRANDA
COREOGRAFIA: GABRIEL MALO
ASSISTÊNCIA DE COREOGRAFIA: BIA FREITAS
FIGURINO E VISAGISMO: FÁBIO NAMATAME
ASSISTÊNCIA DE VISAGISMO: DHIEGO DURSO
CAMAREIRA: MARISA HIODO
DESIGN DE LUZ: FRAN BARROS
DESIGN DE SOM: JOÃO BARACHO E GUILHERME RAMOS
OPERAÇÃO DE SOM: JOÃO BARACHO E GUILHERME RAMOS
CONSULTORIA DE ÁUDIO: VINÍCIUS RIBEIRO
MICROFONISTA: BEATRIZ PASSETI
CENOGRAFIA: ERON REIGOTA E BRUNO ANSELMO
ASSISTÊNCIA DE CENOGRAFIA: JOÃO PAULO OLIVEIRA
CENOGRAFIA FOYER: CESAR COSTA
STAGE MANAGER: JOÃO PAULO OLIVEIRA
CENOTÉCNICOS: FERNANDO BRETAS, FRANCISCO MARCOS (CHIQUINHO)
MAQUINISTA: DIEGO MACHADO
COORDENAÇÃO DE PRODUÇÃO: TATIANA VÉLIZ LOBOS
PRODUÇÃO EXECUTIVA: CLÁUDIA MIRANDA / RODRIGO BURGESE
ASSISTENTE DE PRODUÇÃO / CONTRARREGRA: LIPE RASOILO
FISIOTERAPIA: PHYSIOART STUDIO
MARKETING E PLANEJAMENTO: ANNE CRUNFLI
PROJETOS INCENTIVADOS: MALAGODI PROJETOS CULTURAIS
FINANCEIRA/ ADM: DANIELA FIGUEIREDO
DIRETORA COMERCIAL: SIMONE CARNEIRO
DIRETOR DE ARTE: GUSTAVO PERRELLA
ASSESSORIA DE IMPRENSA: AGÊNCIA TAGA
MÍDIAS SOCIAIS: GUMMA CREATIVE CONSULTING e AGÊNCIA TAGA
FOTOGRAFIA: STEPHAN SOLON e RAFAEL BECK
CONSULTORIA: ANTONIO FELIPE PURCINO E GUSTAVO BERRIEL
ASSESSORIA DE REDES SOCIAIS: CRISTINA BORDINHAO, ISABELA LEITE, JACQUELINE PLENSACK VIANA
PRODUÇÃO GERAL: ADRIANA DEL CLARO

REALIZAÇÃO: ADRIANA DEL CLARO E MOVE CONCERTS, MINISTÉRIO DA CIDADANIA-SECRETARIA ESPECIAL DA CULTURA E GOVERNO FEDERAL

Acompanhe as novidades de “Chaves – Um Tributo Musical” nas redes sociais:
Instagram | Facebook

SERVIÇO:

CHAVES – UM TRIBUTO MUSICAL
Apresentado por Ministério da Cidadania e UOL
Realização: Adriana Del Claro e Move Concerts

Estreia: 23 de agosto de 2019

Sessões:
Sexta-feira, 21h
Sábado, 16h e 20h
Domingo, 15h e 19h

Duração: 120 minutos
Classificação: Livre

Teatro Opus
4º Piso do Shopping Villa-Lobos
Av. das Nações Unidas, 4777 – Alto de Pinheiros – São Paulo, SP – https://www.teatroopus.com.br

INGRESSOS

Sexta, 21h INTEIRA MEIA
Setor
Plateia Premium R$ 120 R$ 60
Plateia Baixa Lateral R$ 110 R$ 55
Plateia Alta R$ 90 R$ 45
2aª Alta R$ 75 R$ 37,50
Balcão Nobre R$ 75 R$ 37,50
Sábado, 16h e 20h e Dom 15h e 19h INTEIRA MEIA
Setor
Plateia Premium R$ 140 R$ 70
Plateia Baixa Lateral R$ 120 R$ 60
Plateia Alta R$ 110 R$ 55
2aª Alta R$ 75 R$ 37,50
Balcão Nobre R$ 75 R$ 37,50

Obs.: Confira legislação vigente para meia-entrada

CANAIS DE VENDAS OFICIAIS:
Site: www.uhuu.com
Atendimento: falecom@uhuu.com

Bilheteria Teatro Opus 4º Piso do Shopping Villa-Lobos
Av. das Nações Unidas, 4777 – Alto de Pinheiros – São Paulo, SP.
De terça a domingo, das 12h às 20h.

                                                                                                                                                            * Descontos não cumulativos com meia entrada e outras promoções, limitado até 200 ingressos de cada sessão/espetáculo.
** Política de venda de ingressos com desconto: as compras poderão ser realizadas nos canais de vendas oficiais físicos, mediante apresentação de documentos que comprovem a condição de beneficiário. Nas compras realizadas pelo site e/ou call center, a comprovação deverá ser feita no ato da retirada do ingresso na bilheteria e no acesso à casa de espetáculo.
*** A lei da meia-entrada mudou: agora o benefício é destinado a 40% dos ingressos disponíveis para venda por apresentação. Veja abaixo quem têm direito a meia-entrada e os tipos de comprovações oficiais em São Paulo:
– IDOSOS (com idade igual ou superior a 60 anos) mediante apresentação de documento de identidade oficial com foto.
– ESTUDANTES mediante apresentação da Carteira de Identificação Estudantil (CIE) nacionalmente padronizada, em modelo único, emitida pela ANPG, UNE, UBES, entidades estaduais e municipais, Diretórios Centrais dos Estudantes, Centros e Diretórios Acadêmicos. Mais informações: www.documentodoestudante.com.br
– PESSOAS COM DEFICIÊNCIA E ACOMPANHANTES mediante apresentação do cartão de Benefício de Prestação Continuada da Assistência Social da Pessoa com Deficiência ou de documento emitido pelo Instituto Nacional do Seguro Social (INSS), que ateste a aposentadoria de acordo com os critérios estabelecidos na Lei Complementar nº 142, de 8 de maio de 2013. No momento de apresentação, esses documentos deverão estar acompanhados de documento de identidade oficial com foto.
– JOVENS PERTENCENTES A FAMÍLIAS DE BAIXA RENDA (com idades entre 15 e 29 anos) mediante apresentação da Carteira de Identidade Jovem que será emitida pela Secretaria Nacional de Juventude a partir de 31 de março de 2016, acompanhada de documento de identidade oficial com foto.
– JOVENS COM ATÉ 15 ANOS mediante apresentação de documento de identidade oficial com foto.
– DIRETORES, COORDENADORES PEDAGÓGICOS, SUPERVISORES E TITULARES DE CARGOS DO QUADRO DE APOIO DAS ESCOLAS DAS REDES ESTADUAL E MUNICIPAIS mediante apresentação de carteira funcional emitida pela Secretaria da Educação de São Paulo ou holerite acompanhado de documento oficial com foto.
– PROFESSORES DA REDE PÚBLICA ESTADUAL E DAS REDES MUNICIPAIS DE ENSINO mediante apresentação de carteira funcional emitida pela Secretaria da Educação de São Paulo ou holerite acompanhado de documento oficial com foto.
**** Caso os documentos necessários não sejam apresentados ou não comprovem a condição
do beneficiário no momento da compra e retirada dos ingressos ou acesso ao teatro, será exigido o pagamento do complemento do valor do ingresso.
ATENÇÃO: Não será permitida a entrada após o início do espetáculo.
Notícias



Deixe seu comentário / Leave your comment





1 User Online
 
ONSTAGE - Official Website - All Rights Reserved 2017