ONSTAGE - Official Website - All Rights Reserved 2017
Website by Joao Duarte - J.Duarte Design - www.jduartedesign.com

RADIOHEAD ::: 22/04/18 ::: ALLIANZ PARQUE / SP
Postado em 06 de maio de 2018 @ 20:14 | 97 views


Fotos: Stephan Solon (Divulgação)

O Festival Soundhearts trouxe para a America do Sul o Radiohead banda queridinha dos indies e que através desse festival de propria curadoria da banda pode proporcionar ao publico brasileiro um show intenso e que marcou história aos que puderam presenciar tal apresentação.

O festival contou tambem com as  bandas : Aldo the Band, Junun e Flying Lotus em seu cast.  O festival começou por volta das 16h com a Aldo, the Band, banda paulistana fundada pelos irmãos André e Murilo Faria, que levou seu indie rock de sintetizadores para um público ainda bem pequeno e tímido. Durante a apresentação, o grupo chegou a dedicar uma canção a uma fã que morreu recentemente, arrancando aplausos da galera que chegou cedo ao evento.

Pouco depois do fim do show, quando ainda estava claro, Junun subiu ao palco para, com pouco esforço, deixar a plateia admirada. O grupo é o projeto de música indiana que conta com produção de Jonny Greenwood, guitarrista do Radiohead, com o compositor israelense Shye Ben Tzur e a banda Rhajastan Express. A proposta do projeto é bem diferente da banda principal de Greenwood, mas convenceu com facilidade. O público se mostrou aberto ao som das flautas e tambores indianos, e vibrava a cada discurso do frontman Shye, que falava poucas palavras em inglês. Alguns minutos após o fim da apresentação, membros da Rhajastan Express deram um pulinho na pista premium para conversar com a galera em volta, e pareciam muito impressionados com a boa recepção.

Logo em seguida, já no fim da tarde e muito pontual, o DJ e produtor Flying Lotus tomou o cenário com sua gigantesca “gaiola” formada por telões. Mesmo ficando um pouco escondido em meio às projeções espetaculares, o californiano interagiu animado com o público que parecia estar hipnotizado em frente ao palco. Em seu setlist que poderia muito bem pertencer a um Tomorrowland da vida, o produtor tocou músicas de Kendrick Lamar, brincou com o samba e com Freddie Mercury, tocou o tema de Twin Peaks — que, segundo ele, foi um pedido de um fã — e homenageou o DJ Avicii.

Logo após foi a vez dos anfitriões subirem ao palco e serem ovacionados pelo publico, a banda que ja havia se apresentado por aqui no Jocquei Club de Sao Paulo fez um show mais impactante que o anterior e pouco se importava em tocar os seus grandes hits e sim em proporcionar uma experiencia a seus fãs, o resultado foi obtido com maestria , foram 26 musicas que oscilavam de hits a musicas mais sombrias mas ambas criando um clima quase que hipnótico regido por Thom Yorke & cia . em quase duas horas e meia de show, o Radiohead conseguiu uma unidade balanceando tanto canções delicadas, como “Daydreaming”, com batidas estridentes e distorções eletrônicas, presentes em “15 Step” e “Ful Stop”.

Apesar de estar divulgando seu último álbum, A Moon Shaped Pool (2016), a banda exibiu um catálogo de composições das duas últimas décadas de carreira. Não faltaram clássicos como “Paranoid Android”, “There There” e “Fake Plastic Trees”, esta última que encerrou a apresentação carregada com a melancolia de um público que sabe que não deve ter a chance de assistir a um show do grupo tão cedo.

 

Set List Radiohead:
Daydreaming
Ful Stop
15 Step
Myxomatosis
You And Whose Army
All I Need
Pyramid Song
Everything In It’s Right Place
Let Down
Bloom
The Numbers
My Iron Lung
The Gloaming
No Surprises
Weird Fishes/Arpeggi
2 + 2 = 5
Idioteque

Exit Music (For A Film)
Nude
Identikit
There There
Lotus Flower
Bodysnatchers

Present Tense
Paranoid Android
Fake Plastic Trees

Notícias · Shows



Deixe seu comentário / Leave your comment





1 User Online
 
ONSTAGE - Official Website - All Rights Reserved 2017