ONSTAGE - Official Website - All Rights Reserved 2017-2021
Website by Joao Duarte - J.Duarte Design - www.jduartedesign.com

METALLICA::: 07/05/22 :::ESTÁDIO COUTO PEREIRA – CURITIBA
Postado em 09 de maio de 2022 @ 00:15


Texto e Fotos: Flavio Santiago

Agradecimentos: Motisuki Press e Live Nation

Após o adiamento dos shows devido a pandemia o Metallica tem recompensado seus fãs com shows épicos e não fez diferente com os fãs de Curitiba e arredores, em uma noite fria, fez a alegria e esquentou o público de cerca de 45 mil pessoas na primeira performance na capital paranaense.

A noite começou com a banda Ego Kill Talent abrindo os trabalhos para o publico que ainda chegava ao Estádio Couto Pereira, com uma performance curta mas certeira fez um show que agradou aos fãs da banda e também para o publico que não conhecia o trabalho do EKT, musicas como: ” Sublimated, “The Call” e “Last Ride” deram a tônica do que viria pela frente .

Ficou a cargo dos americanos do Greta Van Fleet aquecer  o publico para o Metallica, com o Couto Pereira bem mais cheio a banda formada em 2012, pelos irmãos Josh Kiszka (vocal), Jake Kiszka (guitarra) e Sam Kiszka (baixo), além do baterista Daniel Wagner. Até o momento, o grupo já lançou dois discos: Anthem Of The Peaceful Army (2018) e The Battle at Garden’s Gate (2021).

Em 40 minutos, a banda fez um show sólido com uma boa cozinha instrumental, o show começou de forma tímida e meio morno mais foi envolvendo o publico , 0 vocalista não economizou em agudos e gritos, as performances vocais, inclusive, foram bem aplaudidas pelo público. No começo do show, ele arriscou cumprimentar o público em português, com um: “Boa noite, Curitiba”. Porém, não se comunicou muito depois disso.

A apresentação contou com sete músicas, como Built by Nations, Black Smoke Rising e My Way, Soon. No show, o grupo chegou a realizar uma jam session (espécie de improvisação), que se estendeu por mais de cinco minutos de virtuoses, tendo como destaque os solos do guitarrista Jake Kiszka.

Com cerca de 15 mins de atraso os donos da noite sobem ao palco após a intro de : Ecstasy of Gold  causando histeria nos fãs e com um show de luzes dão inicio com Whiplash do album Kill em All, seguido de Ride the Lightning, como habitual, o Metallica fez algumas alterações em seu repertório  sempre nos mesmos pontos do show. Na comparação com o setlist apresentado em Porto Alegre, as músicas “Harvester of Sorrow”, “No Remorse”, “Fuel”, “Welcome Home (Sanitarium)” e “Blackened” foram substituídas por “The Memory Remains”, “Whiskey in the Jar” (tocada pela primeira vez em 2022), “Creeping Death”, “Fade to Black” e “Battery”.

Com uma banda a vontade no palco , James Hetfield conduziu o publico de 45 mil pessoas que vibraram em musicas como “One”, Moth into Flame” com direito a labaredas de fogo por todo o estádio e a ate então não tocada “Whiskey in the Jar”

Assistir a um show do Metallica é a certeza de ver um bom espetáculo com um setlist diversificado e uma banda que toca com vontade, o publico de Curitiba após tanto tempo pode ter essa comprovaçao , o fato curioso da noite foi o nascimento de uma crianças nas próprias dependências do Estadio , grávida de 39 semanas, a tatuadora Joice Figueiró deu à luz o filho Luan ao som de “Enter Sandman”

Outros sucessos, como “Ride the Lightning”, “Seek & Destroy”, “One”, “Sad But True” e “Master of Puppets” foram entoados pelos milhares de fãs.

Após o show em Curitiba, o Metallica segue a turnê no Brasil com apresentações em São Paulo e Belo Horizonte.

Saldo final do show foi melhor do que o esperado e a certeza que a espera pós pandemia valeu a pena.

Whiplash
Ride the Lightning
The Memory Remains
Seek & Destroy
Moth Into Flame
One
Sad but True
Whiskey in the Jar
The Unforgiven
For Whom the Bell Tolls
Creeping Death
Fade to Black
Master of Puppets
Bis:
Battery
Nothing Else Matters
Enter Sandman

Confira a galeria de fotos desse show:

 
ONSTAGE - Official Website - All Rights Reserved 2017-2021